Informe-se Blog

Aposentados por invalidez têm direito a contratação do empréstimo consignado?

20 de Agosto de 2020

Existem muitas dúvidas a respeito da contratação do empréstimo consignado para pessoas que são aposentadas por invalidez, o chamado benefício “Espécie 32” do INSS. Isso porque uma das exigências para a contratação desta modalidade de crédito é ter um salário ou benefício fixo, para que o pagamento das parcelas seja feito automaticamente todos os meses e o cliente não corra o risco de ficar inadimplente.
 
No entanto, nem sempre a aposentadoria por invalidez garante que o indivíduo tenha o benefício até o fim de sua vida. Pois o INSS realiza exames médicos periodicamente e pode acontecer do beneficiário ter uma melhora em seu quadro clínico e recuperar sua saúde, o que consequentemente resultaria no corte do benefício.
 
Sendo assim, os aposentados por invalidez podem encontrar resistência por parte dos bancos na hora de adquirir um empréstimo consignado. O mais comum é que as redes bancárias concedam essa modalidade de crédito apenas para aposentados com mais de 60 anos, pois a partir desta idade não é mais obrigatório realizar os exames médicos e o risco do indivíduo perder seu benefício é praticamente nulo.
 
Portanto, se o aposentado quiser contratar mais de um empréstimo consignado, é bom que o correspondente sabia auxiliar os aposentado e apresentar a eles as políticas de crédito de cada banco, para saber qual a probabilidade de a instituição aceitar sua situação e realizar a liberação do empréstimo. Informação neste caso é sempre um atributo a mais.
 
Assim como para as outras categorias, o empréstimo consignado para os aposentados por invalidez deve respeitar a margem consignável, não podendo comprometer mais do que 30% da renda mensal líquida do cliente, mais o acréscimo de outros 5% que só podem ser utilizados por meio de um cartão de crédito consignado.