Informe-se Notícias

Febraban proíbe dois correspondentes por ofertas irregulares de consignado

13 de Novembro de 2020

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) suspendeu permanentemente dois correspondentes bancários de oferecer crédito consignado, após irregularidades. É a primeira vez que são aplicadas punições definitivas, desde a entrada em vigor da Autorregulação do Crédito Consignado, em 2 de janeiro deste ano.
 
De acordo com a federação, até o dia 8 de novembro, foram aplicadas sanções contra 159 correspondentes bancários, devido a reclamações de clientes sobre ofertas irregulares do produto. Desse número, 98 correspondentes foram advertidos e 61 tiveram as atividades suspensas.
 
Além disso, os bancos que não aplicarem as sanções contra o correspondente poderão ser multados por conduta omissiva. Para se ter uma ideia, os valores podem chegar até R$ 1 milhão.
 
Correspondentes bancários são empresas contratadas pelas instituições financeiras, que oferecem serviços aos clientes em nome do banco, como pagamentos, depósitos, saques e operações de empréstimo.
 
Saiba mais